Quer ser aceito em eventos ou feiras de arte?

Alguns pequenos detalhes na sua aplicação podem ser cruciais para sua aceitação.

Feira de arte – Recentemente, atuei como jurado em um festival de arte, com centenas de candidatos competindo por um número limitado de espaços de estandes. Ao analisar cada inscrição on-line, foi fácil ver quais artistas investiram em sua apresentação e consequentemente obtiveram uma pontuação maior. Eu vi vários erros evitáveis dos artistas em sua aplicação que reduziram sua pontuação e prejudicaram suas chances de aceitação.

Feira de arte de prestígio são extremamente competitivas; a diferença está nos detalhes. Isso significa que prestar atenção aos pequenos detalhes realmente conta.

Envie fotos excelentes. Sem dúvida, esse é o elemento mais crucial em sua aplicação. Quatro fotos foram mostradas na tela do meu computador para cada artista, com um estande opcional disponível. Na minha análise, não vi muitas fotos ruins desse grupo de artistas altamente qualificados, mas havia algumas que se destacavam. Brilho, fotos superexpostas ou subexpostas, planos de fundo inadequados e desfocagem são absolutamente inaceitáveis. São detalhes que demonstram um anti profissionalismo e denigrem a própria arte.

Quando você pode fazer um jurado dizer “Uau!”, Suas chances de entrar são muito maiores. Suas fotografias são apenas “boas o suficiente”? Ou elas são fantásticas? Eu vi os dois tipos no meu computador. Pagar por um fotógrafo profissional para fotografar a sua arte vale muito a pena no contexto profissional e principalmente para inscrições em feiras de artes.

Certifique-se de que suas fotos sejam coesas. Em sua aplicação, você enviará um pequeno número de imagens de sua arte. Certifique-se de selecionar cuidadosamente as fotografias que funcionam juntas para dar uma forte impressão do seu estilo e habilidade artística. Alguns candidatos querem mostrar a “amplitude” de seu trabalho, mas mostrar estilos diferentes de pinturas ou misturar objetos díspares no grupo de obras não ajuda a sustentar um discurso que é essencial nas aplicações de arte.

Escolha sua categoria com cuidado. Muitos artistas descobrem que seu trabalho pode se encaixar em várias categorias e selecionam aquela em que eles sentem que terão mais vantagem sobre sua concorrência. Categorias como pintura, fotografia e joias costumam ser as mais concorridas. Os jurados vêem o mesmo, e com muitas aplicações, as coisas podem correr alinhadas. Se o seu trabalho se relacionar bem com outro meio ou categoria, você poderá encontrar a melhor maneira de se destacar e ser notado.

Use descrições claras. Qual é a sua arte? Você usa materiais raros ou tem uma inspiração específica? Explicar uma técnica incomum em suas descrições escritas pode realmente ajudar os jurados a apreciar seu trabalho. Escreva cada descrição de forma concisa; eles não terão tempo para ler explicações prolixas. Alguns artistas mal escrevem, deixando os jurados adivinharem técnicas ou detalhes. Ao reunir suas fotos do portfólio, peça a terceiros que visualizem suas imagens. Pergunte a eles: “Quais informações ajudariam você a entender melhor essas fotos?” E use esse feedback para criar explicações bem-escritas que aprimorem sua aplicação.

Sua foto do estúdio é importante. Ao visualizar uma aplicação, um jurado pode estar na dúvida quanto a pontuação e uma foto sua em seu estúdio pode ajudá-lo na pontuação. A cena no estúdio ajuda a mostrar o processo artístico tão valorizado nos dias atuais. Uma boa foto no estúdio pode ser utilizada estrategicamente no material de divulgação e apresenta para o público quem está por trás das obras de arte

Você pode não ser aceito na feira de arte, festival ou evento em sua primeira tentativa, mas o importante é ir melhorando sua aplicação nos anos seguintes. Caminhe para frente e tente sempre subir de nível com aperfeiçoamento, foco, dedicação e estratégia.

Leave a Reply

Your email address will not be published.